quinta-feira, 23 de setembro de 2010

Transmissão Vertical da AIDS: É Possível Interromper?

A interrupção da chamada transmissão vertical do HIV/AIDS - de mãe para filho - como objetivo de saúde pública é hoje possível com base em estratégias de educação em saúde e acesso a medicamentos. Entretanto, para que tal aconteça, é necessário que os países pobres e em desenvolvimento possuam sistemas de saúde organizados e recursos financeiros adequados para financiar aquelas ações . Nesse sentido, permanece como foco de preocupação humanitária o quadro situacional da AIDS nos países africanos da região subsaariana, onde ocorrem 90% dos casos mundiais de transmissão vertical da doença. Além da extrema pobreza, da dificuldade de acesso a bens e serviços de saúde, contribuem para a gravidade da situação a segregação de gênero e a violência a que as mulheres estão submetidas pela cultura tribal que ali prevalece.
Detalhes sobre a questão da transmissão vertical da AIDS podem ser lidos intregralmente na revista British Medical Journal.

2 comentários:

Ministério da Saúde disse...

Olá, blogueiro!

A melhor prevenção é a informação e usando a camisinha, todos curtem melhor a vida e sem preocupação. Homens e mulheres, de qualquer idade, orientação sexual ou classe social são vulneráveis ao vírus HIV e a outras doenças sexualmente transmissíveis (DSTs). Ajude a divulgar informações e conscientizar mais pessoas sobre as formas de contágio e prevenção de DSTs. A camisinha é segura e a maior aliada nesse combate. Ela é distribuída gratuitamente na rede pública de saúde.
Camisinha. Com amor, paixão ou só sexo mesmo. Use sempre.
Siga-nos no Twitter: http://twitter.com/minsaude
Para mais informações: comunicacao@saude.gov.br, http://www.aids.gov.br ou http://www.formspring.me/minsaude Atenciosamente, Ministério da Saúde.

Itajaí de Albuquerque  disse...

Obrigado pelo comentário, colega.